Pequeno manual para começar qualquer projeto

São quatro passos:

1 - Suje o papel.

As ideias geralmente nascem confusas, nubladas.  Escrever, desenhar, pôr qualquer coisa no papel dá uma forma inicial ao projeto. Não é necessário ser bonito, polido, bem feito. Uma sujeira basta.

2 - Faça menos. 

A ideia cresce sempre além da conta, antes de virar realidade.  Pra que a ideia saia da gaveta, é importante fazer. É muito improvável que ao começar, você faça algo grande. Por isso, diminua. Faça algo mais simples, menor do que você espera. É possível fazer mais, depois.

3 - Entregue o que tiver pra alguém. 

Não vai adiantar nada fazer e guardar com você. Você até pode esconder seu projeto até que ele esteja melhor. Porém, isso pode significar viver adiando. Seu projeto sempre poderá melhorar. Faça isso entregando ele pra alguém. Do jeito que está. Não espere o momento certo. Ele já passou.

4 - Ouça e volte ao 1º passo.

Você vai ouvir algo de quem recebeu seu projeto. Mesmo o silêncio diz alguma coisa. Ouça (não excessivamente), aprenda com isso. Ouça a si mesmo, como foi o processo, que novas ideias ele gerou? Está confuso? Volte ao primeiro passo.

Parabéns! Você já começou seu projeto.