As mais lidas do ano

Não parece que foi ontem. Parece que faz um tempão. Mas, na verdade, comecei a publicar todos os dias no dia 4 de janeiro de 2015, não faz nem um ano.

Foi difícil seguir publicando todos os dias. Ainda mais depois de vir pra Tailândia e desfazer minha rotina. Já estou quase voltando para o Brasil e ainda não encontrei o melhor momento do dia para escrever com um fuso horário de nove horas pra frente e a vida na estrada.

Ainda assim, escrevi e publiquei. Como os badalos natalinos já dão o tom, é hora daquela retrospectiva de fim de ano.

Sou muito grato por sua leitura, companhia, comentários e compartilhamentos. Sou extremamente grato pelo seu apoio financeiro que valoriza o meu trabalho. Espero seguir vivendo, aprendendo e compartilhando com você.

Lembrando que, toda segunda de manhã, um email pode chegar na sua caixa de entrada com os últimos textos da semana. É só assinar gratuitamente aqui.

Depois de mais de 350 publicações, eis as cinco mais lidas.

1 - Esse banco não foi feito pra mim
2 - Eu sou a crise
3 - Nomadismo digital não é pra mim
4 - Onze maneiras de ser incrivelmente mediano
5 - Como empreender sem dinheiro

Feliz Natal!