Nem todos são criadores. E tudo bem.

Costumamos valorizar apenas os líderes, os criativos, aqueles que fazem primeiro. Mas eles não existiriam se não tivessem seus primeiros seguidores.

Precisamos de mantenedores, cuidadores e todo tipo de perfil para fazermos em nossos mundos as mudanças que queremos.

Não há melhor ou pior posição, todos são igualmente importantes. Todos são fundamentais para fazer o barulho que desejamos. O criador de hoje é o mantenedor de amanhã. O cuidador de hoje é o iniciador de manhã.

Se, neste momento, você não é aquele que começa e cria o novo, você tem a oportunidade de ser um seguidor, um exemplo a ser copiado por todos nós.

Você também é um líder ao ter a coragem de entrar na onda do louco e solitário criador. É você que faz dele alguém a ser seguido.

Se há alguém se importando com o que você se importa, mande um e-mail. Peça para ajudar, cole nessa pessoa.

Se há alguém criando o que você gostaria de ter criado, não o veja como inimigo. Pelo contrário, ele é seu aliado. A soma entre o criador e o mantenedor faz o caldo engrossar.