Inspiração e execução

“Inspiração: O processo de estar mentalmente estimulado a fazer ou sentir algo, especialmente fazer algo criativo.
Execução: Realizar ou pôr em prática um curso de ação, produzir. Nós temos que escrever este livro.” - Josh Long.

Inspiração e execução são momentos muito diferentes. Parecem estar intimamente ligados. Mas, na verdade, não estão.

É muito comum estar inspirado e não executar. Deixar pra amanhã, ou esperar a hora certa é sempre mais fácil.

Assim como o mais usual é executar sem estar inspirado. Fez porque não tinha mais escolha, porque o prazo estava chegando, porque alguém mandou.

Acreditamos, em geral, que inspiração e execução dependem um do outro. Como se fossem inseparáveis. Na prática, não é o que acontece.

Quando o cometa da inspiração chega, é preciso pegá-lo imediatamente, fazer sem hesitar. Se não, há uma enorme chance da inspiração apagar e não se converter em ação.

Fazer só quando há inspiração é raro em nossas vidas. Não dá pra agir apenas quando o cometa passa. É muito importante fazer mesmo sem estar inspirado.

Inspiração pode nos levar a execução. E vice-versa. Mas são raros os momentos em que estão juntos.