Como lidar com o medo de empreender?

- Por que você não faz?

Tenho medo.

Todos nós temos. E, ainda assim, alguns vão lá e fazem. Como?

Quem empreende não eliminou seus medos. Isso não existe. Quem fez simplesmente aprendeu a ir em frente, mesmo com medo.

Medo é um sinal. Um alerta natural dizendo que estamos vivos e nos importamos com isso. Que bom.

Ou seja, mais cedo ou mais tarde o medo vai voltar. Em outra forma. E de novo, mesmo depois de já ter começado. Para temer, basta estar vivo.

Tento tomar decisões mais baseadas em amor, fé e esperança do que em medo. Quando consigo ter essa clareza.

Porque o medo alimenta mais medo. E vira uma bola de neve de angústia, paralisia e passos pra trás.

Nos últimos anos, tenho descoberto mais sobre os meus temores e aprendido alguns jeitos de lidar com eles.

1 - Entender o medo.

Por que tememos o que tememos? Qual é a pior coisa que pode acontecer, se isso for feito? Mapear, listar, definir, explorar o que está por trás nos coloca de novo no controle. Se olharmos de perto, o desconhecido perde um pouco da sua força.

2 - Olhar os benefícios de enfrentá-lo.

Começar algo novo, fazer o que ninguém faz, se expor, aprender, mudar. Tudo que exige dá medo. E dá retorno, também. Quanto maior o benefício de enfrentar o medo, mais ânimo pra encará-lo. Liste os prós até que eles sejam maiores do que os contras.

3 - Experimentar em pequenas doses.

Grandes mudanças começam pequenas. Ir devagar, experimentar antes de se jogar sempre ajuda. Ganhamos confiança na medida em que tateamos e sentimos um pouquinho mais do que está por vir. Quando o passo é menor, também fica mais fácil voltar atrás, se for preciso.

4 - Pedir ajuda.

Nunca estamos sós. Sempre tem gente pra ouvir suas angústias e contar histórias de superação. Muitas vezes, o medo está mais em nossas cabeças do que na realidade. Conversar, pedir, ser ouvido e ouvir ajuda muito a perceber que estamos sempre conectados.

5 - Ir com medo mesmo.

Tire seu medo pra tomar um chá. Aceitar o medo é, talvez, o jeito mais amigável de lidar com os nossos próprios limites. Ao simplesmente navegar na direção dos nossos medos, redescobrimos a coragem que está em nós. Aprendemos, evoluímos, crescemos e nos transformamos. Até que venha o próximo medo.

E você, como lida com seus medos?

Você não pode se livrar dos seus medos. Mas você pode aprender a conviver com eles. - Mais chá?

Você não pode se livrar dos seus medos. Mas você pode aprender a conviver com eles.
- Mais chá?