Não precisamos de certificados

"A internet significa que você pode aprender qualquer coisa que você quiser, se você tiver sede suficiente para trabalhar no aprendizado. Nós não precisamos de certificados." - Seth Godin.

Em, 2011, quando iniciei uma plataforma, o Nós.vc, para que qualquer pessoa pudesse ensinar e aprender qualquer coisa, em qualquer lugar, algumas pessoas me perguntaram: "Mas quem vai ser o professor? Uma pessoa qualquer?". Sim, uma pessoa comum, qualquer. Quem quer aprender que escolhe se essa pessoa é adequada pra ela, ou não. Parecia vanguardista demais.

Hoje, chovem convites por email ou por facebook para cursos livres, informais, de todos os preços e formatos. Quem pergunta se essas pessoas são boas o suficiente para ensinar? Quem quer aprender. E isso é suficiente.

A nova geração não procura no Google o que quer aprender. Eles buscam direto no Youtube, que vai trazer uma solução mais rápida, visual, didática. A eficácia é testada na hora. Não há certificação melhor do que a realidade, nua, crua, na prática.

Se o seu valor é sustentado apenas pelo seu diploma, cuidado. Ele valerá cada vez menos. Com abundância de informações, a escassez de capacitados tende a diminuir exponencialmente. Certificados serão cada vez mais inúteis. Principalmente para atividades criativas e sem necessidade de regulação. Mais importante do que um papel, é a vivência, a entrega, a conexão e a emoção que proporcionamos. Isso tem valor. Se você resolve o problema, não me importa que você (não) tem diploma. Porque um papel não resolve nada. 

Não há medida melhor do que o próprio aprendiz se certificando de que está aprendendo. Com a sua própria experiência, sua própria pesquisa, no seu tempo. A realidade vai pôr à prova o aprendizado com muito mais rigor do que qualquer teste inventado.