As perguntas que precisamos fazer sobre lowsumerism

"Não deixe as coisas que você tem te terem.” - Josh Long.

Estive na palestra da Box 1824 sobre Lowsumerism, no Festival Path. Lowsumerism é um conceito para a tendência de diminuição do consumo que estamos vivendo. Você vai pegar se ver o vídeo abaixo:

Você já se deu conta da emergência da economia colaborativa. Se vive na Terra, já percebeu a pauta da sustentabilidade cada vez mais em voga. Provavelmente, está ampliando a consciência sobre os processos produtivos. Se ligou na necessidade urgente de diminuir o desperdício. Já deve estar de saco cheio de ouvir sobre os impactos que estamos deixando no planeta e em nós mesmos.

Mas o que provavelmente você não sabe é a resposta pras perguntas que senti no ar. Tinha umas duzentas pessoas na sala. Mas nem eu, nem ninguém teve coragem de perguntar.

- Como vivo com menos?
- Como fica o que eu produzo, em um mundo com menos consumo?
- Como eu vivo, financeiramente, em um mundo em que as pessoas consomem menos?
- Por onde começar?
- Vai dar tempo?

Eu também não tenho as respostas prontas. Estou as investigando. Tenho descoberto alguns caminhos, algumas pistas. Mas hoje não é o dia delas.

Não vou concluir este texto com uma lição de moral, uma descoberta, uma frase de impacto. Vou repetir as perguntas, pra gente dormir com elas.

Porque eu arrisco dizer que as pequenas mudanças que estamos adiando é que devem pautar as grandes revoluções que devemos viver nos próximos anos.

Precisamos assumir, investigar e nos apropriar dessas perguntas. E de outras mais.

- Como a gente vive com menos?
- Como fica o que a gente produz, em um mundo com menos consumo?
- Como a gente vive, financeiramente, em um mundo em que as pessoas consomem menos?
- Por onde começamos?
- Vai dar tempo?