Dê conselhos para os outros

- O que eu vou fazer da minha vida?

- Por onde começar?

- E agora?

A coisa mais difícil do mundo é saber o que fazer quando estamos travados.

Afinal de contas, se fosse fácil, já teria sido resolvido.

Por outro lado, a coisa mais fácil do mundo é dar um conselho. Um pitaco, uma sugestão descompromissada.

É aquilo, somos ótimos em dizer aos outros o que deve ser feito. Mas somos péssimos em fazer por nós mesmos.

Não confiamos em nossas próprias vozes. Quando estamos imersos em nossos problemas, não enxergamos as soluções, nos envolvemos emocionalmente e paralisamos. Nos culpamos e alimentamos nossos medos.

Mas quando enxergamos de fora, fica fácil. Com distância, somos mais criativos, corajosos e tolerantes. Exercitamos uma certa irresponsabilidade que pode ser saudável, já que às vezes um pitaco é tudo que um amigo quer.

James Victore trouxe uma ideia genial.

Dê conselhos para os outros.

Só que para si mesmo.

Pague um café pra você, sente-se tranquilamente, ouça a si mesmo.

Com tempo e com qualidade, bata uma real.

O que você diria para outra pessoa que estivesse na sua exata situação?

O que você gostaria de ouvir de alguém?

O que você diria para alguém que, assim como você, quer fazer as coisas que você quer fazer?

No fundo, a gente sabe as respostas, de alguma forma elas estão dentro de nós mesmos.

Se é mais fácil, dê conselhos pros outros. Depois, aproprie-se deles.