Não descarte. Mantenha todas as suas peças em jogo.

É férias. Mas este blog não para. Nas próximas semanas publicarei alguns textos que não escrevi. Grato por mais este ano. Seguimos conectados.


Não descarte. Mantenha todas as suas peças em jogo.

Por Austin Kleon.

Margaret Atwood disse certa vez: “Você deveria fazer uma coisa só. Se você fizer mais do que isso, as pessoas ficarão confusas.”

Não somente outras pessoas se confundem - você mesmo fica confuso. Você ama todas essas coisas, mas sente que deveria escolher uma.

A melhor palestra que já ouvi sobre o assunto foi do Steven Tomlinson no TEDxAustin em 2010. Ele contou esta história: Ele estava por aí tentando descobrir o que deveria fazer com sua vida, então ele visitou um professor chamado Will Spong, que tinha uma reputação de ser um cara durão e pregmático. Steven foi ao escritório de Spong e explicou como ele amava os negócios, amava o teatro e adorava o seminário, e então pediu a Spong que lhe dissesse qual deles escolher seguir. É assim que o Spong respondeu:

“Essa é a pergunta mais idiota que alguém me fez. Você está me dizendo que há três coisas que você ama e quer que eu diga quais são as duas que você deve cortar... para que você possa ser manco noutro? Não é assim que as coisas funcionam. O conselho que tenho para você é: não descarte. Encontre uma maneira de manter todas essas três coisas no mix. Nós vamos descobrir [o que você deve fazer para viver]. Agora, o que você deve fazer é passar duas horas por semana empenhado em cada uma dessas três coisas. Deixe-os falar um com o outro. Algo começará a acontecer em sua vida que será único e poderoso.

Spong continuou explicando: “Você não precisa de uma carreira, precisa de um chamado. E agora você está ouvindo.”

Aqui está o Steven:

"Agora, é interessante como ele moldou esse quebra-cabeça: a tecnologia para encontrar o caminho não envolve algum compromisso sacrificante ousado, mas sim, estar determinado a manter todas as peças em jogo e confiar que há alguma sabedoria nisso, isso vai começar a se transformar em algo que você está procurando. Isto é, talvez, o que o teólogo e escritor Frederich Buechner quis dizer quando disse: "Você encontra sua vocação onde sua profunda paixão encontra a profunda necessidade do mundo”.

É uma lição que eu tenho que reaprender constantemente: não descarte. Mantenha todas as suas peças em jogo.

Mais uma vez obrigado, Steven. Aqui está a conversa toda: