Um terceiro caminho sempre é possível

Parecia que não ia dar. Era um querendo uma coisa, e o outro outra completamente diferente.

Numa negociação, a pessoa que estava do outro lado, soltou:

Chegaremos numa solução excelente pra você e pra mim.

Esta simples frase mudou o jeito que passei a enxergar o bate bola da negociação.

Sempre podemos encontrar um terceiro caminho para vender, contratar, comprar, firmar uma parceria, um compromisso, fazer qualquer negócio.

Excelente pros dois. Não pra um lado só.

O senso comum pressupõe que, numa situação difícil entre uma escolha ou outra, um dos dois envolvidos vai perder ou ter que abrir mão. Talvez o acordo nem saia.

Mas há sempre a possibilidade de explorar um caminho ainda não imaginado, que talvez não seja nem pra um lado, nem pra outro, mas para além do que podemos enxergar.

Pra isso, temos que baixar a guarda e entender que o processo criativo envolve uma tensão. Uma área do não saber, do estressar, em que nem eu, nem você nos apegaremos às primeiras soluções.

Precisaremos contruir, nos dedicar, entender o que importa pra cada lado, as necessidades de cada um até chegar no que ainda não enxergamos inicialmente.

Quanto mais a vontade nesse lugar nebuloso, maiores as chances de encontrarmos soluções novas, improváveis e, quem sabe, excelentes para todos.